Notícias

Ver notícia

As obstruções nas redes de esgoto estão intimamente ligadas ao descarte de lixo e outros materiais na rede coletora. O assunto, além de recorrente, é pauta de diversas campanhas da concessionária Águas de Holambra, sempre preocupada em preservar o bem estar de seus usuários, bem como da qualidade de suas tubulações.

Na manhã desta segunda-feira (23), mais uma vez a equipe de Serviços da Águas de Holambra encontrou objetos que contribuíram para obstruir a rede, entre eles, três peças íntimas.  “Conscientizar sobre o uso correto da rede tem sido um desafio constante para a concessionária Águas de Holambra”, disse o coordenador de Operações e Serviços, Alan Pedra.

O coordenador de Operações e Serviços da Águas de Holambra, Alan Pedra, explica que jogar material na rede de esgoto impacta não só a coleta e o tratamento de esgoto, mas gera prejuízos a toda a comunidade, uma vez que provocam extravasamento, além de afetar os processos e equipamentos das unidades operacionais.

Apesar de todas as ações desenvolvidas pela concessionária para alertar sobre essa situação, Alan diz que “Muitas pessoas desconhecem o funcionamento do sistema coletor e acabam lançando materiais que deveriam ser descartados no lixo, o que prejudica todo o processo”.

“É importante que as pessoas entendam que mais de 90% dos casos de entupimento acontecem devido ao uso incorreto da rede coletora. Ou seja, a maioria dos casos só acontece porque alguém está jogando materiais na rede”, afirma Alan.

De acordo com Alan, além de entupir a rede coletora, a retirada desses materiais é um trabalho que demanda tempo e energia, pois o colaborador tem que retirar manualmente os objetos.

DE OLHO NO ÓLEO – O descarte irregular de óleo na rede coletora de esgoto também é um desafio para o setor de saneamento. O resíduo descartado na rede implica não só no bom funcionamento dos sistemas de esgoto sanitário, mas também em danos ambientais. Para orientar sobre os impactos ambientais provenientes desse hábito, a concessionária conta com o programa De Olho no Óleo, promovido pela área de Responsabilidade Social.

A iniciativa tem o objetivo de conscientizar a população sobre a importância da destinação correta do óleo de cozinha e os prejuízos causados quando não há a coleta adequada. O programa oferece a orientação sobre os métodos de destinação, por meio de oficinas de sustentabilidade, folhetos explicativos, dinâmicas adaptadas a vários perfis e faixas etárias de público, que apresentam formas de reaproveitamento do óleo e manuseio seguro para a doação a ONGs e Cooperativas.

A Águas de Holambra alerta ainda para o dado alarmante de que, a cada um (1) litro de óleo descartado irregularmente, cerca de 20 mil litros de água são contaminados, pois essa substância pode se infiltrar no solo e atingir o lençol freático.

 

Compartilhar:

Veja Também

Contato Saiba mais
Contato

A Águas de Holambra oferece um canal de comunicação eficiente. Entre em contato conosco.

Esgotamento Sanitário Saiba mais
Esgotamento Sanitário

A Águas de Holambra trabalha 24h por dia para ampliar e melhorar o saneamento em Holambra.

Legislação e Tarifas Saiba mais
Legislação e Tarifas

Os serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário implicam em custos e investimentos permanentes.

Água Saiba mais
Água

Antes de chegar às torneiras, a água percorre um longo caminho pelo sistema de abastecimento da Águas Holambra.